Disciplina: Biologia 0 Curtidas

O despejo de dejetos de esgotos domésticos e industriais - ENEM 2010

Questão 57 - Caderno Azul
Atualizado em 29/02/2024
Continua após a publicidade..

O despejo de dejetos de esgotos domésticos e industriais vem causando sérios problemas aos rios brasileiros. Esses poluentes são ricos em substâncias que contribuem para a eutrofização de ecossistemas, que é um enriquecimento da água por nutrientes, o que provoca um grande crescimento bacteriano e, por fim, pode promover escassez de oxigênio.

Uma maneira de evitar a diminuição da concentração de oxigênio no ambiente é:

  1. Aquecer as águas dos rios para aumentar a velocidade de decomposição dos dejetos.

  2. Retirar do esgoto os materiais ricos em nutrientes para diminuir a sua concentração nos rios.

  3. Adicionar bactérias anaeróbicas às águas dos rios para que elas sobrevivam mesmo sem oxigênio.

  4. Substituir produtos não degradáveis por biodegradáveis para que as bactérias possam utilizar os nutrientes.

  5. Aumentar a solubilidade dos dejetos no esgoto para que os nutrientes fiquem mais acessíveis às bactérias.

Continua após a publicidade..

Solução

Alternativa Correta: B

O tratamento do esgoto para remover nutrientes orgânicos é uma medida que evita a diminuição da concentração de oxigênio nas águas dos rios onde são lançados.

Créditos da Resolução: Curso Objetivo

QrCode Estuda por aqui

Ajude-nos com uma doação!

Nós trabalhamos duro para manter este site e oferecer conteúdo de qualidade gratuitamente. Se você gostou do que oferecemos, por favor, considere fazer uma doação de qualquer valor através do PIX para nos ajudar a manter o site funcionando. Sua contribuição é muito valiosa para nós!
Chave PIX: contato@estudaporaqui.com.br
Recebedor: Wesley Rodrigues

Área do Conhecimento: Ciências da Natureza e suas tecnologias

Ano da Prova: 2010

Nível de Dificuldade da Questão: Médio

Assuntos: Desequilíbrio Ecológico, Ecologia, Eutrofização

Vídeo Sugerido: YouTube

Ainda não há comentários.

Autenticação necessária

É necessário iniciar sessão para comentar

Entrar Registrar