Disciplina: Biologia 0 Curtidas

O lixão que recebia 130 toneladas de lixo e contaminava a - ENEM 2010

Questão 90 - Caderno Azul
Atualizado em 29/02/2024
Continua após a publicidade..

O lixão que recebia 130 toneladas de lixo e contaminava a região com seu chorume (líquido derivado da decomposição de compostos orgânicos) foi recuperado, transformando-se em um aterro sanitário controlado, mudando a qualidade de vida e a paisagem e proporcionando condições dignas de trabalho para os que dele subsistiam.

Quais procedimentos técnicos tornam o aterro sanitário mais vantajoso que o lixão, em relação às problemáticas abordadas no texto?

Revista Promoção da Saúde da Secretaria de Políticas da Saúde. Ano 1, nº 4, dez. 2000 (adaptado).

  1. O lixo é recolhido e incinerado pela combustão a altas temperaturas.

  2. O lixo hospitalar é separado para ser enterrado e sobre ele, colocada cal virgem.

  3. O lixo orgânico e inorgânico é encoberto, e o chorume canalizado para ser tratado e neutralizado.

  4. O lixo orgânico é completamente separado do lixo inorgânico, evitando a formação de chorume.

  5. O lixo industrial é separado e acondicionado de forma adequada, formando uma bolsa de resíduos.

Continua após a publicidade..

Solução

Alternativa Correta: C

A vantagem do aterro sanitário em relação ao lixão é que o lixo orgânico e inorgânico é encoberto, e o chorume é canalizado para ser tratado e neutralizado.

Créditos da Resolução: Curso Objetivo

QrCode Estuda por aqui

Ajude-nos com uma doação!

Nós trabalhamos duro para manter este site e oferecer conteúdo de qualidade gratuitamente. Se você gostou do que oferecemos, por favor, considere fazer uma doação de qualquer valor através do PIX para nos ajudar a manter o site funcionando. Sua contribuição é muito valiosa para nós!
Chave PIX: contato@estudaporaqui.com.br
Recebedor: Wesley Rodrigues

Área do Conhecimento: Ciências da Natureza e suas tecnologias

Ano da Prova: 2010

Nível de Dificuldade da Questão: Médio

Assuntos: Desequilíbrio Ecológico

Vídeo Sugerido: YouTube

Ainda não há comentários.

Autenticação necessária

É necessário iniciar sessão para comentar

Entrar Registrar