Disciplina: Literatura 0 Curtidas

No texto III, ao analisar a interioridade de Palha - FUVEST 2022

Atualizado em 13/05/2024

LEIA OS SEGUINTES TEXTOS DE MACHADO DE ASSIS PARA RESPONDER ÀS QUESTÕES DE 20 A 22:

I.
Suave mari magno*

Lembra-me que, em certo dia,
Na rua, ao sol de verão,
Envenenado morria
Um pobre cão.

Arfava, espumava e ria,
De um riso espúrio e bufão,
Ventre e pernas sacudia
Na convulsão.

Nenhum, nenhum curioso
Passava, sem se deter,
Silencioso,

Junto ao cão que ia morrer,
Como se lhe desse gozo
Ver padecer.

Machado de Assis. Ocidentais.

*Expressão latina, retirada de Lucrécio (Da natureza das coisas), a qual aparece no seguinte trecho: Suave, mari magno, turbantibusaequora ventis/ E terra magnum alterius spectare laborem. (“É agradável, enquanto no mar revoltoso os ventos levantam as águas, observar da terra os grandes esforços de um outro.”).

II.
Tão certo é que a paisagem depende do ponto de vista, e que o melhor modo de apreciar o chicote é ter-lhe o cabo na mão.

Machado de Assis. Quincas Borba, cap. XVIII.

III.
Sofia soltou um grito de horror e acordou. Tinha ao pé do leito o marido:
– Que foi? perguntou ele.
– Ah! respirou Sofia. Gritei, não gritei?
(...)
– Sonhei que estavam matando você.
Palha ficou enternecido. Havê-la feito padecer por ele, ainda que em sonhos, encheu-o de piedade, mas de uma piedade gostosa, um sentimento particular, íntimo, profundo, – que o faria desejar outros pesadelos, para que o assassinassem aos olhos dela, e para que ela gritasse angustiada, convulsa, cheia de dor e de pavor.

No texto III, ao analisar a interioridade de Palha, o narrador descobre, no pensamento oculto do negociante,

Machado de Assis. Quincas Borba, cap. CLXI.

  1. a ternura que lhe inspira a mulher, capaz de toda abnegação.

  2. a piedade que lhe causa a mulher, a quem só guarda desprezo.

  3. a vaidade que beira o sadismo, ao ver a mulher sofrer por ele.

  4. o gozo vingativo, visto que a mulher o trai com Carlos Maria.

  5. o remorso do infiel, pois ele trai a mulher com Maria Benedita.


Solução

Alternativa Correta: C) a vaidade que beira o sadismo, ao ver a mulher sofrer por ele.

Sofia mente dizendo que havia tido um pesadelo em que Cristiano Palha fora assassinado. Este sente-se tão envaidecido com o relato da esposa — que deseja que ela tenha outros pesadelos assim. Revela-se, então, no típico estilo machadiano de análise psicológica, o sadismo que satisfaz o narcisismo de Cristiano Palha.

Créditos da Resolução: Curso Objetivo

QrCode Estuda por aqui

Ajude-nos com uma doação!

Nós trabalhamos duro para manter este site e oferecer conteúdo de qualidade gratuitamente. Se você gostou do que oferecemos, por favor, considere fazer uma doação de qualquer valor através do PIX para nos ajudar a manter o site funcionando. Sua contribuição é muito valiosa para nós!
Chave PIX: contato@estudaporaqui.com.br
Recebedor: Wesley Rodrigues

Institução: FUVEST

Ano da Prova: 2022

Assuntos: Machado de Assis, Interpretação de Texto

Vídeo Sugerido: YouTube

Ainda não há comentários.

Autenticação necessária

É necessário iniciar sessão para comentar

Entrar Registrar